terça-feira, 21 de outubro de 2008

Thor

Nas últimas semanas, várias notícias foram divulgadas sobre a adaptação do poderoso Thor para as telas do cinema, idéia que me agrada muito, por sinal. Sempre considerei Thor como um dos personagens mais interessantes do quadrinhos. Um deus, punido por seu pai, que passa anos vagando entre os simples mortais sem saber de sua condição "diferenciada", vivendo como o médico Donald Blake. Thor faz com que qualquer um, seja criança, adolescente ou adulto, acabe se interessando por mitologia, não só a nórdica, mas também a grega, persa, eslava ou sei lá mais que civilização antiga. Mais uma brilhante criação (ou seria adaptação, nesse caso?) de Stan Lee e Jack Kirby.

Minhas expectativas subiram ainda mais quando foi divulgado que o diretor mais cotado para assumir o projeto é o shakespeariano Kenneth Branagh. Famoso por suas adaptações para o cinema das peças do bardo inglês (entre elas o "Hamlet" de quatro horas de duração). Não posso imaginar cineasta mais adequado para adaptar personagem tão nobre em espírito, modos e linguagem. Segundo sites especializados em teatro, Branagh já teria até abandonado a direção de mais uma montagem de "Hamlet", com Jude Law no papel principal, para se dedicar ao projeto do Marvel Studios (dinheiro...).

Boato forte também é a possibilidade de Daniel Craig, o atual James Bond, encarnar o deus do trovão. Mas ele já disse que não dá para encarar dois personagens "heróicos" ao mesmo tempo, além de sair por aí com um cabelo enorme. Quem sabe se oferecerem uns dólares (ou euros) a mais ele topa? Certo mesmo é que o filme já tem data de estréia para 4 de junho de 2010.
Blog Widget by LinkWithin

2 comentários:

Peru disse...

Daniel Craig não aceita porque sabe que não tem cabelo pra interpretar o Thor.

Fábio Henrique Carmo disse...

Hahahahahhaha. Essa foi boa!